Boavista da Praia deu entrada na ARFSS o protesto do Sporting frente aos Travadores

0
263

O Boavista Futebol Clube da Praia protestou o jogo em que alegadamente o Sporting utilizou um jogador de forma irregular frente aos Travadores.

Depois da noticia do DTudo1Pouco dando conta do sucedido, o Boavista FC informou hoje que “ao abrigo do ponto 1 (a) do Art. 101º (ver foto)” deu entrada na Associação Regional de Futebol de Santiago Sul (ARFSS), o protesto referente a utilização irregular do atleta Dario Paiva do Sporting na partida contra Os Travadores a contar para a 17.ª jornada do Regional Santiago Sul.

O jogador em causa tinha visto o terceiro cartão amarelo na 16.ª Jornada contra a equipa dos Garridos (11-03-2017) e na jornada seguinte o Sporting o fez alinhar, sem que este tivesse cumprido um jogo de suspensão, o que é irregular segundo os artigos 90.º e 101.º do Regulamento Geral da FCF.

Entretanto, o Boavista, no comunicado, diz que o presidente dos axadrezados, e Luís Semedo, e dos Travadores, Armindo Oliveira, na passada quinta-feira, 30, alertaram “à viva voz, o Presidente da ARFSS da existência de irregularidade e que os respectivos Advogados dos dois Clubes estavam ultimando o processo de protesto que seria entregue na manha seguinte”. Isto é, antes de decorridos cinco dias após a realização do referido jogo.

“A ARFSS, nesse dia e na presença de dois dirigentes do clube na secretaria, estranhamente na pessoa do seu Presidente [Mário Avelino “Donnay”], homologou o “(ine) homologavel” ou seja não obstante a confirmação da irregular utilização do jogador em causa, o presidente da ARFSS não se coibiu de tentar legalizar a irregularidade (tentativa vã (!!!) perante a não existência da homologação tácita (segundo o ponto 4 do Art. 90.º do Regulamento Geral da FCF) desse jogo, uma vez que ate hoje não decorreram os 30 dias (previsto por lei) após a sua realização)”, esclareceu o clube axadrezado.

Para terminar o Boavista afirmou que defendera sempre a transparência no futebol e estará na vanguarda da luta pela verdade desportiva.

Comentários