Embaixadas de Cabo Verde com dívida de 400 mil euros

0
971

O ministro dos Negócios Estrangeiros de Cabo Verde culpa o Governo anterior de “má gestão” e “irresponsabilidade” pelo “mau funcionamento” das missões diplomáticos no exterior, ao ter deixado “uma dívida superior a 400 mil euros”.

A dívida acumulada de mais de 400 mil euros de segurança social nos países onde Cabo Verde tem missões diplomáticas, tem dificultado o normal funcionamento das embaixadas, nomeadamente a de França e de Holanda, disse em conferência de imprensa, nesta semana, o ministro dos Negócios Estrangeiros, Luís Filipe Tavares que culpa o Governo anterior pela situação das embaixadas cabo-verdianas no exterior.

Fonte: RFI

Comentários