Michel Temer formalmente acusado de corrupção

0
122

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, apresentou ao Supremo Tribunal Federal (STF) esta segunda-feira a acusação contra o presidente Michel Temer e o ex-deputado Rodrigo Rocha Loures, do PMDB-PR, pelo crime de corrupção passiva.

O procurador-geral avançou com acusação de corrupção passiva contra presidente brasileiro. Michel Temer terá recebido subornos da empresa JBS, de processamento e venda de carne.

A rede de comunicação Globo salienta que, com este procedimento, fica formalizada a acusação contra o presidente, que será julgado pelo Supremo, caso a Câmara de Deputados autorize.

No Brasil, o crime de corrupção passiva tem uma moldura penal de dois a 12 anos de prisão e multa.

A acusação do procurador Rodrigo Janot, segundo a Globo, baseia-se nas investigações no âmbito da Operação Lava Jato e nas “delações premiadas” dos dois irmãos que detêm a empresa JBS, uma das maiores do mundo na comercializaçãod e carnes processadas.

Fonte: TVI

Comentários