Peixe defumado de Santo Antão pode ser exportado para Europa – operadores

0
439

O peixe que, há seis anos, tem vindo a ser defumado em Santo Antão, mais precisamente em Ponta do Sol, na Ribeira Grande, poderá passar, “dentro de algum tempo”, a ser exportado para Portugal e outros países europeus.

O projecto que, esta quinta-feira, foi socializado, no Porto Novo, durante um atelier sobre as pescas, promovido pela Associação para a Defesa do Ambiente e Desenvolvimento (ADAD), está cargo da Associação dos Pescadores da Ponta do Sol, que pretende, além do mercado nacional, levar também o já conhecido peixe fumado de Santo Antão ao mercado europeu.

José Nascimento, da Associação dos Pescadores da Ponta do Sol, avançou à Inforpress que, além da colocação do produto nas diferentes ilhas de Cabo Verde, designadamente as turísticas, essa organização está, também, determinada em exportar o peixe fumado para a Europa, a começar por Portugal, onde já existe abordagem para o efeito.

Para isso, a Associação dos Pescadores da Ponta do Sol conta com a parceria da Câmara Municipal da Ribeira Grande, que já se comprometeu em apoiar essa associação na aquisição de embalagens para o produto.

Desde 2011, os pescadores em Ponta do Sol têm estado a defumar o pescado, como atum, alvacora, ilhéu, que tem vindo a ter muita procura, sobretudo nas feiras que, regularmente, se realizam na ilha de Santo Antão.

No âmbito deste projecto, a ADAD tem estado a promover a formação dos pescadores nas diferentes comunidades piscatórias em Cavo Verde em matéria de gestão, conservação, transformação e comercialização do pescado.

Desta feita, os pescadores em Janela e Sinagoga recebem da ADAD caixas térmicas para a conservação do pescado.

No atelier promovido pela ADAD, no quadro do projecto sobre boa governança das pescas, política de gestão dos recursos marinhos e redução da pobreza na região WAMER (Cabo Verde, Mauritânia, Senegal, Gâmbia, Guiné Bissau e Serra Leoa) foi, igualmente, socializado o projecto sobre a transformação do pescado (produção de filetes) em Rincon, em Santiago.

Fonte: Inforpress

Comentários