Promoveram uma campanha de sensibilização sobre o uso do álcool no Estádio Nacional… regado a cerveja

153

Jogo importante, publico motivado, estádio cheio e um bom lugar para promover o que não ficou promovido.

Ontem a selecção de Cabo Verde defrontou a selecção do Senegal num jogo onde já se esperava casa cheia, isto depois de duas vitorias da selecção nacional, sobre a África do Sul. O resultado de ontem, derrota por dois a zero, não foi o desejado.

A campanha da Comissão de Coordenação do Álcool e outras Drogas também não foi a mais esclarecedora.

Quem chegou ao estádio nacional, na cidade da Praia, certamente viu alguns panfletos no chão. Quem está apressado para ir ver e apoiar a selecção certamente não tinha tempo para ler um desdobrável cheio de palavras. Não havia tempo.

Segundo a Comissão de Coordenação do Álcool e Outras Drogas, no Facebook, a campanha de “sensibilização sobre o Uso do Álcool e outras Drogas, no Estádio Nacional”, foi em parceria com a Federação Cabo-verdiana de Futebol e o Ministério do Desporto e conta ainda com a colaboração da Campanha Presidencial “ Menos Álcool, Mais Vida”.

Nada de estranho até agora se dentro do estádio, em barracas, não estivessem a vender álcool, nomeadamente cerveja.

Um bom lugar, e péssimos métodos de juntar publicidade e marketing a um bom momento.