Afinal Angola é que vai receber o AfroBasket 2017, o que abre uma vaga para a competição

2547

Angola vai substituir a República do Congo como país anfitrião do AfroBasket 2017, anunciou a FIBA.

5 Armando COSTA (Angola)
Foto: FIBA

A decisão vem na sequência da retirada da República do Congo, que apontou questões logísticas como a razão para a sua incapacidade para sediar a competição de basquetebol da África.

A decisão sobre o novo anfitrião do evento foi feita após uma reunião em Bamako, no Mali, ontem, sexta-feira, entre a Federação Angolana de Basquetebol (FAB) e o conselho da FIBA.

Com esta decisão abre uma vaga para a competição e a FIBA irá atribuir um ‘wild card’ (convite) a uma das selecções que estiveram na qualificação para a competição, incluindo Cabo Verde que anteriormente tinha manifestado interesse.

Angola já recebeu por três ocasiões o evento – 1989, 1999 e 2007 – e esta será a quarta.

As equipas que vão participar são: a actual campeã Nigéria; Angola; Marrocos, Tunísia, Mali, Senegal, Costa do Marfim, Camarões, República Democrática do Congo, Egipto, Uganda, Moçambique e África do Sul, todos eles conquistaram o seu lugar na qualificação. Guiné e Ruanda, receberam recentemente um wild card cada um.

O evento decorre de 19 a 30 de Agosto em Angola.