Ao som da Dj Lips :D

906

E quem disse que nós mulheres não podemos apaixonar pela música???

Linett Soares, mais conhecida por Lips, é natural de São Vicente, mas considera-se uma “salgadinha” (natural da ilha do sal). Amante da música, adora estar com a família, e com os amigos, mas o que a faz sentir realizada,  realmente é a produção de eventos. A cinco anos atrás, ela decide abandonar o sonho de ser Engenheira Mecânica, e dedicar-se á promoção de eventos.

“Hoje em dia, a música é a minha vida”

Aos 18 anos de idade, Linett diz que foi influenciada pelo ex-namorada que também é DJ, mais tarde com maior convivência com o grupo DJ SUL, confirmou a sua paixão pela música. Em 2010, decidiu aderir ao projecto do grupo, que pretendia capacitar jovens kriolas, para tornarem-se Dj´s, na ilha do Sal. Linett, afirma que no inicio eram quatro kriolas, que iniciaram juntas as aulas, contudo na 3º aula foi a única que esteve presente, e não desistiu. A formação durou cerca de 6 a 7 meses, logo Linett viu-se projetada no mercado oficialmente como DJ Lips, nas suas palavras ” A 1ª DJ feminina cabo-verdiana residente em Cabo Verde.”

Relativamente á sua aceitação pelo público, Linett diz, que ” Muitas pessoas, pensavam que o projeto do grupo DJ SUL, era uma brincadeira, ou que na verdade não existia. Quando, abracei o projeto, não foi difícil, muito pelo contrário, tive curiosidade e interesse, porque não era algo comum e dentro do grupo fui bem recebida.

Questionada sobre o trabalho dos Dj´s em Cabo Verde, a Dj Lips, diz que a cada dia estão ganhando mais respeito pelo público. No seu caso, diz que durante o seu percurso de DJ, tem observado muitas diferenças. Segundo a Dj Lips “… Ainda tenho um caminho longo a percorrer, de forma a demonstrar que a profissão de DJ não deve ser vista como Hobby ou uma brincadeira, porque é algo feito com seriedade, e portando deve ser valorizado. “

Actualmente, a DJ Lips, tem por objectivo, terminar a licenciatura, que tem por base a produção artística. No entanto, relativamente á música, pretende continuar a estar presente nos eventos, e o maior projeto será num futuro próximo, trabalhar mais para ser reconhecida como uma DJ profissional.

Para terminar, Linett deixa a seguinte mensagem ás minhas leitoras:

“Ser mulher, é uma dádiva, devemos ter mais gosto, no momento em que mostramos, o nosso potencial para fazer algo, que a sociedade padroniza como uma expressão masculina. Seja o que for, devemos sempre fazê-lo com muito amor, o que realmente importa é ser feliz e fazer feliz todos aqueles que estão á nossa volta.” DJ Lips