O número de casos ativos de covid-19 em Cabo Verde desceu hoje para 69, praticamente metade do registado há uma semana, mas com mais um óbito por consequências associadas à doença neste período, segundo dados oficiais.

De acordo com o boletim epidemiológico divulgado hoje pelo Ministério da Saúde, Cabo Verde soma desde o início da pandemia, em março de 2020, um total de 62.163 casos de covid-19, que provocaram 410 óbitos.

Há precisamente uma semana, o país contava com 121 casos ativos da doença, que têm vindo progressivamente a descer há várias semanas.

No último período de 14 dias, de 18 a 31 de julho, os laboratórios cabo-verdianos analisaram 7.063 amostras e confirmaram 238 novos casos de covid-19 em todo o país. A taxa de incidência acumulada a nível nacional, neste período, caiu assim para 42 casos por 100 mil habitantes, a taxa de transmissibilidade (Rt) está em 0,71 e a taxa de positividade foi, em média, 3,4%.

No período anterior, de 11 a 24 de julho, tinham sido analisadas 6.919 amostras e identificados 441 novos casos, com a taxa de incidência acumulada a nível nacional a cifrar-se então em 77 casos por 100 mil habitantes, o Rt em 0,62 e a taxa de positividade média em 6,4%.

“Neste momento, está uma pessoa internada nos hospitais de Cabo Verde devido à covid-19. A taxa de internamento está em 1,1%”, lê-se no boletim divulgado hoje.

Em relação à vacinação, Cabo Verde utilizou até 31 de julho 768.025 doses de vacinas contra a covid-19, equivalente a 69,9% do total recebido. Do número estimado de adultos, 320.418 (98,3%) já tomaram pelo menos a primeira dose, 279.390 (85,7%) já receberam também a segunda dose e 110.091 (33,8%) já tomaram a dose de reforço.

Em relação aos adolescentes (12 a 17 anos), o boletim do Ministério da Saúde refere que 46.932 (87,3%) já tomaram a primeira dose e 39.426 (73,3%) estão completamente vacinados.

Por: Lusa