Espanha: Cabo-verdiana morre vitima da Covid-19

313

Uma cabo-verdiana morreu na manhã desta segunda-feira, 06, em Espanha, vítima do novo coronavírus. A informação foi confirmada à RCV pelo Embaixador naquele país ibérico.
 
De acordo com o representante de Cabo Verde em terras espanholas, Ney Cardoso, era por volta das 10h00 quando recebeu a notícia da primeira morte pela doença, de um membro da comunidade cabo-verdiana.

O embaixador avançou que a senhora era natural da ilha de Santiago e residia na zona de Alcaniz, na Província de Aragão.

“A senhora tinha 68 anos, era natural do Bairro Craveiro Lopes, na Cidade da Praia. Ela já tinha problemas de coração, tinha feito um transplante. Acabou falecendo hoje [Segunda-feira] com o vírus. Já entrámos em contacto com os familiares aqui, primeiro para transmitir os nossos pêsames e também para colocarmos 
à disposição deles para aquilo que for possível fazer, para ajudar nalguma coisa”, declarou Ney Cardoso, dizendo esperar que esta primeira morte “venha a ser também a última entre a comunidade cabo-verdiana”.
 
Além da santiaguense que acabou por falecer, mais três cabo-verdianos contraíram a Covid-19 e estão em tratamento, de acordo com o diplomata.

Por: RCV