Forbes: Messi é o desportista mais bem pago do mundo

150

De acordo com a classificação anual divulgada esta terça-feira pela revista Forbes, Messi ocupa pela primeira vez o lugar mais alto do pódio, com um rendimento de 112,2 milhões de euros, 81,2 ME em salários e prémios e 31 ME em patrocínios.

O futebolista português Cristiano Ronaldo foi o segundo desportista mais bem pago do mundo entre junho de 2018 e junho de 2019, com 96,3 milhões de euros.

Também pela primeira vez, o pódio pertence exclusivamente a futebolistas, com Messi e Cristiano Ronaldo a serem acompanhados pelo brasileiro Neymar, com o jogador do Paris Saint-Germain a ter rendimentos anuais na ordem dos 92,7 milhões de euros.

Desde a criação, há 19 anos, deste ‘ranking’ da Forbes, apenas quatro desportistas figuraram no primeiro lugar: o golfista Tiger Woods, por 12 vezes, o pugilista Floyd Mayweather, por quatro vezes, Cristiano Ronaldo, por duas vezes, e agora Messi.

 

Na lista deste ano, aos três futebolistas seguem-se o pugilista mexicano Saul ‘Canelo’ Alvarez, com ganhos na ordem dos 83 milhões de euros, e o tenista suíço Roger Federer, com uma receita de 82,5 ME.

No ‘top 10’ da classificação entram ainda os jogadores de futebol americano Russell Wilson (79 ME) e Aaron Rodgers (78,8 ME), e os basquetebolistas da NBA LeBron James (78,6 ME), Stephen Curry (70,4 ME) e Kevin Durant (57,7 ME).

Entre as desportistas femininas, a única que surge na classificação, é a tenista norte-americana Serena Williams, com 25,7 milhões de euros anuais e num distante 63.º lugar entre os 100 publicados.

Por: Lusa