Hotéis nacionais receberam mais de 47 mil hóspedes no terceiro trimestre do ano

158

Os hotéis cabo-verdianos receberam mais de 47 mil hóspedes no terceiro trimestre do ano, o dobro face ao trimestre anterior e novamente com os provenientes de Portugal na liderança, divulgou o INE.

De acordo com o relatório sobre Movimentação de Hóspedes no terceiro trimestre do ano, do Instituto Nacional de Estatística (INE) de Cabo Verde, os hotéis do arquipélago receberam neste período 47.398 hóspedes, que se somam aos 12.098 de janeiro a março e aos 21.562 de abril a junho.

O total de hóspedes no terceiro trimestre deste ano compara com os 3.701 no mesmo período de 2020, então fortemente marcado pelas restrições para conter a pandemia de covid-19 e com o país fechado a voos internacionais.

Desta forma, o número de hóspedes e de dormidas nos estabelecimentos hoteleiros do país aumentaram no terceiro trimestre mais de 1.180% e 2.094%, respetivamente, face ao mesmo período de 2020. As dormidas passaram de 10.677 de julho a setembro do ano passado para 234.354 no mesmo período de 2021, enquanto a estadia média passou de 2,8 noites para 4,6 noites e a taxa de ocupação subiu de 5% para 28%.

No terceiro trimestre, Portugal continuou a ser o principal país de proveniência de turistas, com 28% do total de entradas, seguido da Alemanha (4%), França (3,8%) e Estados Unidos da América (3%).

“Os turistas da Alemanha passaram a ser os que permaneceram mais tempo em Cabo Verde, com uma estadia média de 6,6 noites. A ilha do Sal passou a ser a mais procurada, representando cerca de 53,6% das entradas nos estabelecimentos hoteleiros”, acrescenta-se no relatório do INE.

O turismo representa cerca de 25% do Produto Interno Bruto (PIB) de Cabo Verde, mas o setor está praticamente parado desde final de março de 2020, devido às restrições às viagens, impostas para conter a transmissão de covid-19, após o recorde histórico de 819 mil turistas em 2019.

Em todo o ano de 2020, o setor perdeu mais de 600 mil turistas, uma quebra superior a 70% face ao ano anterior.

Na previsão do Governo, Cabo Verde deverá receber este ano apenas cerca de 300 mil turistas — 81.058 já contabilizados de janeiro a setembro -, recuando a números de 2005.

Por: Lusa