Inicio Cabo Verde Desporto Ivan Almeida foi um dos melhores marcadores e Benfica vence Sporting e...

Ivan Almeida foi um dos melhores marcadores e Benfica vence Sporting e atinge liderança da Liga de basquetebol

292

O Benfica igualou o Sporting na liderança da fase regular da Liga de basquetebol ao vencer os “leões”, por 89-73, em jogo em atraso da 16ª jornada, colocando fim a um ciclo de 10 derrotas consecutivas em dérbis.

O último triunfo do Benfica frente ao Sporting remontava a 2 de novembro de 2019 (85-79), temporada em que os “leões” tinham regressado à alta roda nacional da modalidade. Depois disso, a formação de Alvalade tinha vencido sempre, sendo que quatro destes triunfos dizem respeito a este ano civil (2022) e incluem jogos da Liga, da Taça da Liga e da Liga Europeia de basquetebol.

Quando falta apenas uma jornada para o fim da fase regular, esta vitória fez o Benfica somar 39 pontos, os mesmos que o Sporting, mas os encarnados assumem o primeiro lugar fruto do confronto direto entre ambos, já que venceram por mais de 11 pontos. Na Luz, os campeões nacionais tinham vencido por 74-63.

Os benfiquistas Frank Gaines e Ivan Almeida, ambos com 23 pontos, foram os melhores marcadores do encontro. Do lado do Sporting, o destaque foi para Mike Fofana, com 16 pontos.

Privados de Travante Williams, lesionado, os campeões nacionais entraram timidamente no jogo, cometendo várias faltas. Situação bem aproveitada pelo Benfica, que através dos lances livres, ia aproveitando para amealhar os pontos iniciais.

O 26-14, no final do primeiro quarto, espelhava na perfeição a superioridade encarnada, que tinha em Frank Gaines, com 10 pontos, e Makram Romdhane, com oito, os elementos-chave na finalização.

Os últimos jogos entre Sporting e Benfica têm mostrado uma entrada forte dos encarnados e o triunfo a cair para os lados de Alvalade. E a entrada em falso dos comandados de Norberto Alves, no segundo quarto, fez soar os alarmes.

Em pouco mais de dois minutos, o Sporting reduziu para 26-23, o que obrigou o emblema da Luz a solicitar uma paragem técnica para “acertar as agulhas”, mas isso naquele momento de pouco serviu, já que, aos 15 minutos, Mike Fofana colocou o Sporting na condição de vencedor (27-26), tendo o Benfica marcado os primeiros pontos pouco depois, com um triplo de Ivan Almeida.

Ou seja, os encarnados ficaram em branco durante cinco minutos, fator que acabou por não pesar tão negativamente no resultado, porque o Sporting começou a “abusar” na tentativa de fazer lançamentos de três pontos e foi falhando o alvo, tendo o Benfica chegado ao intervalo a vencer: 40-33. Ainda assim, no parcial, os comandados de Luís Magalhães levaram a melhor (19-14).

O intervalo fez bem ao Benfica e o jogo acabaria por ser decidido no terceiro quarto. Com um parcial de 15-2, nos primeiros cinco minutos, a equipa da Luz elevou o resultado para 55-35. Estes 20 pontos de vantagem acabaram por ser determinantes no desfecho do encontro.

À entrada para o último quarto, o Benfica vencia por 61-46 e limitou-se a gerir o esforço para conquistar os dois pontos que lhe davam a liderança, encerrando o encontro com o triunfo por 89-73.
 
Por: Lusa