Presidente do PAOK, de Fernando Varela, foi banido por três anos

381

A Federação Grega de Futebol baniu o presidente do PAOK, Ivan Savvidis, dos estádios por três anos depois de ter invadido o campo com uma arma de fogo, durante o confronto com o AEK de Atenas, no dia 11 de Março. O campeonato grego está restabelecido para o inicio do próximo mês depois de o Governo grego o ter suspendido por tempo indeterminado.

Para além da suspensão de Savvidis, o Conselho de Disciplina grego atribuiu ao presidente uma multa no valor de 100 mil euros e ao PAOK 63 mil euros, juntando-se ainda a perda de três pontos na tabela classificativa.

Os castigos parecem não ter ficado por meias medidas. A formação de Salonica terá também de disputar os próximos encontros da temporada à porta fechada (faltando três jornadas para o fim do campeonato).

Por: ZeroZero