Inicio Internacional Desporto Rússia competirá sem bandeira nem escudo no Mundial de andebol

Rússia competirá sem bandeira nem escudo no Mundial de andebol

102

A Rússia vai competir sem bandeira e sem escudo no Mundial de andebol, que se disputa em janeiro no Egito, devido aos dois anos de suspensão impostos ao país por incumprimento das regras antidoping.

Em comunicado, a federação local revelou que as camisolas vão dizer apenas “equipa da Federação Russa de Andebol”, com o emblema do organismo a substituir a bandeira da Rússia.

A federação lamenta que, “apesar de não existir um regulamento técnico detalhado”, se exija que a Rússia retire “completamente os símbolos estatais”.

A Rússia, que estará no Mundial do Egito graças a um convite, vai enfrentar Bielorrússia, Eslovénia e Coreia do Sul na primeira fase.

Em 17 de dezembro, a Rússia foi excluída por dois anos das principais competições desportivas mundiais, entre as quais os Jogos Olímpicos Tóquio2020, adiados para 2021, por incumprimento das regras antidoping, por decisão do Tribunal Arbitral do Desporto (TAS).

A decisão, que também proíbe a participação da Rússia nos Jogos Olímpicos de Inverno Pequim2022, é metade da sanção proposta pela Agência Mundial Antidopagem (AMA), que tinha pedido quatros anos de suspensão.

Os atletas russos que nunca tenham sido sancionados por doping poderão, de acordo com a decisão, participar em competições internacionais, mas sob bandeira neutra.
Por: Lusa